quarta-feira, 19 de maio de 2010

Experiência Sudbrack


Hoje o post será dedicado ao memorável jantar no Restaurante da Chef Roberta Sudbrack.

...
Como muitos já sabem, sou apreciador de uma boa comida. Em todos os sentidos. Fazer. Provar. Degustar. Beber. Lavar. E começar tudo de novo...

Tudo começou de brincadeira.
Criar um usuário no Twitter (@ericksilver) aprender a usar a mais nova febre no mundo virtual. Escolher quem seguir. Quem não seguir. Mandar mensagens erradas. DM quando você realmente queria era fazer um RT. Enfim a novidade e suas agradáveis surpresas ou não.

Selecionei alguns "twiteiros" para seguir e um deles foi a Chef Roberta Subrack (@RobertaSudbrack).

Em seu Twitter Roberta nos mostra sua cozinha e nos deleita com seus pratos salgados e doces feitos com carinho e atenção. Não é fácil comandar uma equipe de cozinheiros, maitre, garçons, postar comentários impagáveis e divertidos, fotografar os pratos e nos entreter com a tarefa de preparar sempre uma boa experiência como ela se proprõe.

Convidei três amigos para irmos juntos ao restaurante.

Fiz uma reserva pois era uma noite onde eu e meus amigos desvendaríamos os "segredos" da Chef. (pura audácia!)

Chegamos ao restaurante na hora marcada.

Primeira surpresa minha reserva não estava confirmada. Ops. Será que esqueci de algo? Ok. Fui conversar com a maitre para entender o que poderia ter acontecido. E nos entendemos. Era necessário aguardar um pouco uma mesa que já estava para encerrar.

Neste meio tempo, peguntei se era possível falar (rapidamente) com a Roberta - já estou íntimo, rsrs. E não é que a própria depois de alguns minutos chega e com um lindo sorriso atende ao meu pedido de fã!!!! Fiquei nas nuvens a partir desse momento.

Ganhamos uma taça de espumante enquanto esperávamos nossa mesa. Um brinde surpresa! E que todos adoraram.

Nossa mesa foi preparada com toda formalidade e atenção e fomos conduzido a ela.

O garçon nos explicou como funcionava o Menu Degustação da casa e tínhamos agora a difícil tarefa de escolher qual Menu seria degustado. Nós quatro escolhemos o menu da Terça Básica que era formado por entrada + prato principal. Acrescentamos um vinho tinto, Cote du Rhone, para harmonizar.

Foi servido pães caseiros que "acordaram" no meio da tarde... Deliciosos, crocantes, quentes e acompanhados de um patê em perfeita harmonia.

A entrada veio em seguida. Uma bela salada de folhas verdes.


Nova rodada de pães caseiros. Agora com manteiga que derretia no pão e na boca.

O prato principal - Arroz com Pato. Quantidade perfeita. Apresentação nota 10. Sabor indescritível.


Já satisfeitos e pensando se pediríamos a sobremesa ou não. A maitre nos indagou sobre a própria. Uma pura transmissão de pensamentos. Sintonia. Pedimos duas - Canelone de maçã com farofa de damasco e Tartine de chocolate amargo.



O que já estava perfeito foi multiplicado por 10, 100, 1000.

(Brigadeiro de colher - Literalmente)

Se transformou em algo indescritível, transcedente. Nós quatro devoramos aquelas duas obras de arte gastronômica.

E chegamos ao grand finale. Solicitamos a conta. Pagamos.

E o "fã" apareceu novamente. Pediu para tirar uma foto com a Chef que lhe proporcionou uma grande e divertida noite para ele e seus amigos. Saindo com um sorriso de orelha a orelha. Pisando nas nuvens e pensando na próxima vez.



Um comentário:

Aninha disse...

Nada como um jantar inigualável, com amigos e um bom vinho.
Que bom que vc foi recompensado!!
Beijos